Suicídio em Pauta: Saiba Como Evitar a Morte de Larissa

suicídio em pauta
Compartilhe!

O suicídio não é uma opção. Neste texto, falaremos do suicídio de Larissa, uma jovem linda que decidiu não viver mais.

Começamos neste post uma série de artigos chamados ‘Suicídio em Pauta’. O motivo? Eu não quero que você morra.

Saiba que sua vida não lhe pertence. A vida de matéria pertence à natureza e nós não temos liberação, não temos autorização para tirarmos nossa própria vida.

Há quem diga que a pizza foi o modo que o ser humano criou para dividir a felicidade em 8 pedaços. Afinal, onde está o amor?

Por mais que a vida verdadeira seja a vida de energia de massa cósmica pura, limpa e perfeita, tenha calma.

Ninguém pode cometer suicídio. Como disse Renato Russo, quando tudo está perdido, sempre existe um caminho, sempre existe uma luz. Tenha calma.

Caso você tenha alguma dúvida, deixe sua opinião que vamos responder assim que for possível.

Suicídio em Pauta: “Trocaria mil Vezes Tudo o que Tenho por um Pouco de Amor”

suicídio em pauta 2“Bom dia para você que está lendo isso. Sei que você está assustada, não esperava isso. Mas, pensando bem lá no fundo, é melhor viver sem mim.

Há algum tempo venho percebendo isso. Todos pensavam que eu era feliz, mas não. Trocaria mil vezes tudo o que tenho por um pouco de amor. Algo que nunca recebi.

Caso você que está lendo não saiba, eu sempre fiquei sozinha em casa, vivia com empregados. De início, eu não ligava. Achava isso até divertido, podia sair o dia inteiro e só voltar de noite.

Mas, com o tempo percebi que isso não é tão legal. Eu gosto de sair, mas eu também preciso de amor, carinho, atenção. Algo que ninguém me deu durante toda minha vida.

Toda vez que eu via filmes de pais brincando com os filhos eu chorava, imaginando como seria ter uma vida assim. Olha, isso que eu fiz foi para o bem de todos.

Agora eu não sofro mais e vocês não precisam mais se preocupar comigo, isto é, se algum dia algum de vocês se preocupou com isso. Até agora, eu achava que todos me amavam, mas não.

Meus pais vivem longe daqui, com meu outro irmão e são bem felizes lá. Hoje se completam três anos que não vejo eles.

Fico imaginando todo o dia como estão agora.

Que saudades.

Outra coisa que me decepcionou bastante foi de descobrir que não tenho amigos.

Eu achava que tinha, mas descobri que aqueles que ficavam perto de mim só se interessavam pelo meu dinheiro.

Se eu pudesse, trocava todo o dinheiro que tenho por uma família de verdade

Mas o que mais me decepcionou foi saber que meu namorado (agora ex) estava me traindo. Um ano e meio de namoro me traindo. Agora, imagine.

Todas decepções de uma vez só. Machuca, muito.

Foi por isso que tirei minha própria vida. Finalmente percebi que sou mais uma nesse mundo que não é amada.

Eu nem me lembro da última vez que me perguntaram como foi meu dia.

Você não faz ideia de como é saber de um dia para o outro que ninguém se importa com você.

Mas, pense assim, agora é bom para todo mundo.

Olha, onde quer que eu esteja agora eu estou bem.

E se você leu até aqui, agradeço.

Agora você sabe o quanto é difícil ser eu. Carta feita por mim”.

Encontrei esta carta escrita por Larissa no Tumblr.

Como disse, suicídio em pauta tem a missão te segurar você neste mundo pelo tempo que for necessário, pelo tempo que a natureza, nossa mãe, quiser.

Existe suicídio em todos os países, existe suicídio em todos os tempos da humanidade. Mas o suicídio em si é um crime contra si mesmo.

Como disse, a vida verdadeira não é esta de matéria, a natureza humana está fora do verdadeiro natural, que não é este corpo degenerado, deformado, poluído e enfraquecido de matéria, mas sim o corpo de energia eterna, formado por virtudes puras, limpas e perfeitas. Neste momento, você deve ter força, coragem e firmeza para viver o tempo certo neste mundo.

Qual é o tempo certo? Aquele determinado pela natureza aí por cima. O mundo espiritual comanda tudo e todos em todos os pontos de vista. Conhecer a origem e tudo sobre o universo vai te acalmar e você vai entender que a matéria é uma mentira muito maior do que você pensa.

Apesar de Tudo, Continuamos Respirando, Mesmo com Tantas Coisas no Caminho

suicídio em pauta 3Tenha paciência. Dias melhores virão. “Mesmo com tantas coisas no caminho, continuamos marchando em frente.

Aceitando cada desafio, superando cada lágrima que insiste em cair, sorrindo a cada peça do destino; nós ironizamos nossa vida e rimos na cara do perigo.

Temos o prazer de viver cada segundo e, quando achamos que o rio está fundo demais para atravessar, fazemos o impossível e pegamos impulso pra continuar nadando.

Como num ciclo, erramos, erramos e erramos. E gostamos disso; porque nos faz sentir vivos. Porque a cada vez que perdemos o fôlego temos a prova do tanto que ainda há a se aprender”, disse uma garota no Tumblr.

A sua dor, seu sofrimento, seu desespero e sua tristeza são reais e são causados pela destruidora energia magnética.

É preciso que você saiba que a verdadeira alma é o coração e que, neste exato momento, você está rodeado de seres das sombras, os habitantes do vácuo, que o espiritismo chama de espíritos obsessores.

Entenda Como a Cultura Racional Pode Ajudar quem Pretende Cometer um Suicídio

Os conhecimentos Racionais contidos nos Livros UNIVERSO EM DESENCANTO emanam-se de uma nova Energia no Universo, a Energia Racional. Uma energia extra-cósmica, da verdadeira origem da vida e do Universo.

E com a leitura dos livros a pessoa entra em contato com essa nova Energia que está governando a Natureza, a Energia Racional.

CULTURA RACIONAL NO MUNDO universo em desencantoE todos sem o menor esforço, muito naturalmente, serão orientados em tudo, recebendo as orientações precisas e necessárias para o seu perfeito equilíbrio moral, físico e financeiro, dentro dos seus próprios lares ou onde estiverem.

Portanto, não há necessidade de frequentar lugar algum como templos, sinagogas, igrejas ou casas de pregação. A pessoa passará a ter com quem contar e onde se agarrar.

Serão favorecidos pela força maior do mundo que é a natureza e pelo Poder Supremo do seu mundo de origem, o MUNDO RACIONAL.

Tudo isso por estarem se ligando à nova fase da natureza e vivendo a favor dessa nova fase da natureza, a Fase Racional para o desenvolvimento do raciocínio.

O Raciocínio está localizado na Glândula Pineal ou Epífise, no Istmo do Mesencéfalo. É a razão da vida e tem todo o mapa da formação deste Universo e sua criação.

É o maior potencial do ser humano. É a terceira máquina do cérebro que ainda não foi desenvolvida, a parte central do cérebro.

As outras duas partes do cérebro que já foram desenvolvidas são: o pensamento e a imaginação. Desenvolvidos através de duas forças ou mecanismos feitos pela natureza – as energias elétrica e magnética.

Essas duas energias contribuíram para preparação e desenvolvimento da humanidade até alcançar a fase da civilização.

A CULTURA RACIONAL, nascida em 4 de Outubro de 1935, no Rio de Janeiro – Brasil – é um movimento cultural, pacífico e sem fins lucrativos. Interage nos diversos segmentos da sociedade civil com a missão de levar a Paz, o Amor, a Fraternidade e Concórdia Universal.


Informações Importantes de Organizações que Podem Ajudar quem Deseja Cometer Suicídio

http://www.cvv.org.br/O CVV – Centro de Valorização da Vida realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, email, chat e Skype 24 horas todos os dias.

Para obter ajuda basta telefonar para o número: 141.

Você sabe como ajudar a pessoa sob risco de suicídio?

Feito pelo Ministério da Saúde, Organização Pan-Americana da Saúde e Universidade Estadual de Campinas, o Manual de “Prevenção ao Suicídio” traz informações importantes sobre o tema.

“Quando as pessoas dizem “eu estou cansado da vida” ou “não há mais razão para eu viver”, elas geralmente são rejeitadas, ou então são obrigadas a ouvir sobre outras pessoas que estiveram em dificuldades piores.

Nenhuma dessas atitudes ajuda a pessoa sob risco de suicídio. O contato inicial é muito importante. Freqüentemente, ele ocorre numa clínica, casa ou espaço público, onde pode ser difícil ter uma conversa particular.

  1. O primeiro passo é achar um lugar adequado, onde uma conversa tranqüila possa ser mantida com privacidade razoável.
  2. O próximo passo é reservar o tempo necessário. Pessoas com ideação suicida usualmente necessitam de mais tempo para deixar de se achar um fardo. É preciso também estar disponível emocionalmente para lhes dar atenção.
  3. A tarefa mais importante é ouvi-las efetivamente. Conseguir esse contato e ouvir é por si só o maior passo para reduzir o nível de desespero suicida. O objetivo é preencher uma lacuna criada pela desconfiança, pelo desespero e pela perda de esperança e dar à pessoa a esperança de que as coisas podem mudar para melhor.

Veja agora como você deve se comunicar:

  • Ouvir atentamente, com calma.
  • Entender os sentimentos da pessoa (empatia).
  • Dar mensagens não verbais de aceitação e respeito.
  • Expressar respeito pelas opiniões e pelos valores da pessoa.
  • Conversar honestamente e com autenticidade.
  • Mostrar sua preocupação, seu cuidado e sua afeição.
  • Focalizar nos sentimentos da pessoa.

Saiba o que NÃO fazer ao se comunicar para evitar piorar a situação:

  • Interromper muito freqüentemente.
  • Ficar chocado ou muito emocionado.
  • Dizer que você está ocupado.
  • Fazer o problema parecer trivial.
  • Tratar o paciente de uma maneira que possa colocá-lo numa posição de inferioridade.
  • Dizer simplesmente que tudo vai ficar bem.
  • Fazer perguntas indiscretas.

Neste outro artigo sobre como prevenir o risco e a tentativa de suicídio, alguns psiquiatras apontam os principais fatores de risco:

  • Tentativa anterior de suicídio, com intenção de morrer.
  • Ansiedade, depressão, alcoolismo, quadro psicótico e estado de exaustão.
  • Tentativa premeditada e ativamente preparada.
  • Disponibilidade dos meios para o suicídio (métodos violentos e letais).
  • Preocupação com o efeito do suicídio sobre os membros da família.
  • Ideação suicida verbalizada.
  • Preparação de um testamento ou cenas de despedida.
  • Crise vital próxima, como luto, cirurgia iminente ou dissolução de um relacionamento amoroso.
  • História familiar de suicídio.
  • Mudanças de condições de saúde ou estado físico.
  • Início ou cessação de medicação psicotrópica.
  • Intoxicação por álcool ou droga.
  • Melhora súbita do humor depressivo.
  • Sentimento de desesperança.
  • Família suicidogênica.
  • Precaução para evitar intervenção, como isolamento ou minimização do risco de descoberta.
  • Nenhuma ação para pedir socorro após o evento.
  • Pessoa com remorso por sobreviver da tentativa.

Referência no auxílio a prevenção do suicídio nos Estados Unidos, a IASP – International Association for Suicide Prevention possui diversas publicações que podem ajudar.

Há ainda a ONG Terapeutas Sem Fronteiras que oferece grátis serviços de apoio a emocional e terapêutico.

Neste site sobre como prevenir suicídio há diversas informações que podem ajudar a lidar com a situação.

Abaixo seguem alguns links de organizações com informações que podem ajudar a evitar que jovens cometam suicídios:

Organizações Internacionais


Sobre 

Luiz Rodrigues é estudante de Cultura Racional, dos Livros Universo em Desencanto, jornalista e especialista em marketing.


Compartilhe!

2 thoughts on “Suicídio em Pauta: Saiba Como Evitar a Morte de Larissa

  1. Pingback: Saiba por que não Existe Suicídio sem dor e Fique Vivo | Filhos do RACIONAL SUPERIOR

  2. Pingback: Suicídios: Entenda os Sintomas e Saiba Como Evitar | Filhos do RACIONAL SUPERIOR

Comments are closed.