3 Dicas Práticas de Meditação para Iniciantes

Compartilhe!

Desde 2012 quando lançamos este blog para falar de Cultura Racional já escrevemos sobre espiritismo, Deus, natureza, entre outros temas relacionados à evolução espiritual. Hoje, a ideia é falar sobre meditação.

Decidi escrever sobre isto pois a prática da concentração que venho treinando a cada vem tem me ajudado muito no dia a dia. E sobretudo nas minhas sessões de estudo do Livro Universo em Desencanto, pois mantenho mais o foco, concentrado e atento às palavras ditadas pelo RACIONAL SUPERIOR que compõem a obra da Cultura Racional.

Fiquei Mais Concentrado com a Meditação da Atenção Plena

Acho importante dizer que a leitura do livro Atenção Plena me deu uma visão mais tática para encarar as adversidades da vida de matéria. Explica que “mais do que uma técnica de meditação, a atenção plena (ou mindfulness) é um estilo de vida que consiste em estar aberto à experiência presente, observando seus pensamentos sem julgamentos, críticas ou elucubrações.

Ao tomar consciência daquilo que sente, você se torna capaz de identificar sentimentos nocivos antes que eles ganhem força e desencadeiem um fluxo de emoções negativas – que é o que faz você se sentir estressado, irritado e frustrado.” Por isso gosto desta leitura e recomendo, pois irá ajudar você a ter mais calma e se concentrar, por exemplo, nas orientações que recebemos da Energia Racional.

Por isso, vou traduzi um artigo chamado “Meditation for Beginners: 20 Practical Tips for Understanding the Mind“, publicado no site Zen Habits. Apenas uma informação antes de irmos ao texto: decidi focar em apenas três dicas para tornar a leitura mais objetiva. Mas caso queiram ler as 20 dicas, sugiro que leiam o artigo original em inglês.

Aos estudantes de Cultura Racional, chamo atenção para o que o autor chama de “comandos” 😉

“O hábito mais importante que eu formei nos últimos dez anos é a meditação. (…) E a meditação me ajudou a formar todos os meus outros hábitos que tem me ajudado a ficar mais calmo, mais focado, menos preocupado com o desconforto, mais apreciativo e atento a tudo na minha vida. Estou longe de ser perfeito, mas a meditação tem me ajudado muito.

Provavelmente o mais importante: tem me ajudado entender a minha própria menteAntes de começar a meditar, nunca pensei sobre o que estava acontecendo dentro da minha cabeça  coisas aconteciam e eu seguia seus comandos como um robô.

Hoje em dia, tudo isso ainda acontece, mas mais e mais estou ficando ciente do que está acontecendo. E, hoje, posso fazer uma escolha sobre seguir ou não os meus comandos. E eu em entendo melhor (não completamente, mas melhor), e isso aumentou minha flexibilidade e liberdade.

Então… Eu recomendo altamente este hábito da meditação. Você pode começar pequeno, com calma, e melhorar à medida em que praticaNão espere que tudo der certo logo na primeira tentativa  é por isso que meditação  é chamada de “prática”.

E essas sete dicas não são destinadas a ajudar você a se tornar um especialista. Elas devem ajudálo começar e continuar. Simples assim. Você não precisa implementar todas as dicas de uma vez tente algumas, depois volte a este artigo, e tente uma ou duas mais.

1. Sente-se Apenas por Dois Minutos

Isto vai parecer ridiculamente fácil: apenas meditar durante dois minutos. Isso é perfeito. Comece com apenas dois minutos por dia durante uma semana.

Depois pode aumentar mais dois minutos e fazer isso por mais uma semana. Se tudo correr bem, aumentando um pouco de cada vez, você vai estar meditando durante dez minutos por dia no mês seguinte. Mas comece pequeno primeiro.

2. Não Fique Preso no Como Meditar: Apenas Faça

A maioria das pessoas se preocupam em como e onde sentar, que almofada usar. Isso é tudo bonito, mas não é assim tão importante para começar. Comece apenas sentado em uma cadeira, ou no seu sofá. Ou na sua cama.

Se você está confortável no chão, sente de pernas cruzadasÉ por dois minutos no início de qualquer maneira, então sente-se. Mais tarde você pode se preocupar em estar confortável por mais tempo. Mas no início não importa muito, apenas sentar em algum lugar tranquilo e confortável é o bastante.

3. Veja o que Está Sentindo

Como se sente o seu corpo e a sua mente? Ocupado? Cansado? Ansioso? De maneira geral, perceba o que você 

 Agora que você está acomodado, atenção à sua respiração. Apenas coloque a atenção na sua respiração: veja como o ar vem em e siga-o através de seu nariz até os pulmões.” 

Noutra oportunidade pretendo falar um pouco mais sobre o assunto. Obrigado pela atenção e leia outros textos do nosso blog.

 

 


Compartilhe!

Sobre 

Luiz é estudante de Cultura Racional dos Livros Universo em Desencanto, jornalista e rapper. Ouça nosso rap e baixe gratuitamente no Soundclod: https://soundcloud.com/filhosdoracionalsuperior

    Find more about me on:
  • facebook
  • youtube

Gostou do texto?

Powered by Facebook Comments